Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Com mais de 40 especialidades, a unidade dispõe de profissionais altamente capacitados  que realizam um terço dos atendimentos do Estado.

 

Maior referência em saúde do Tocantins e região Norte, o Hospital Geral de Palmas (HGP) caminha para sua maioridade com grande desempenho. A Unidade oferta à população tocantinense e usuária do Sistema Único de Saúde (SUS) 40 especialidades médicas e uma gama de serviços de saúde, em média e alta complexidade, totalmente gratuitos, contemplando os 139 municípios tocantinenses, além de Estados vizinhos.

O HGP iniciou suas atividades em 2005, com 160 leitos cadastrados e 146 médicos. Atualmente a unidade hospitalar conta 416 leitos de internação e 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica; 26 de UTI adulto; 22 leitos de Unidade de Cuidados Intensivos (UCI); seis na Sala Vermelha; 14 na Sala Amarela; 6 na Unidade do AVC.

O hospital assemelha-se a uma cidade, uma vez que para o seu funcionamento é necessário 3.235 servidores diretos, destes, 574 médicos que trabalham com afinco, responsabilidade e dedicação aos pacientes. Além disso, outros milhares de servidores terceirizados que realizam trabalhos de limpeza, segurança, alimentação e, naturalmente, os pacientes e seus acompanhantes. Diariamente são lavadas cerca de 4.600kg de roupas e são retirados aproximadamente 2.500kg de lixo hospitalar.

O titular da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Afonso Piva de Santana, ressalta que o HGP é grande e representativo por si só. “O Hospital Geral de Palmas é referência de média e alta complexidade para saúde pública do Tocantins e Estados vizinhos. Sabemos a importância desta unidade para população tocantinense e continuaremos trabalhando, em conjunto, para que essa Unidade seja maior e melhor em todos os quesitos. O HGP conta com equipes qualificadas e comprometidas, pessoas do bem e honestas que prestam assistência contínua ininterrupta 24 horas. São esses servidores que salvam vidas que representam o HGP”, destacou.

 Atendimentos

O HGP chama atenção pelos números. Em 2021, de acordo com Sistema de Informações Hospitalares do SUS (SIH/SUS), o Hospital realizou 308.419 atendimentos ambulatoriais, destes 178.152 com a finalidade diagnóstica e 4.066 finalidade cirúrgica.

A produção do hospital gira em torno de 563.327 atendimentos, 84.062 com objetivos cirúrgicos e 9.220 do grupo de órteses, próteses e materiais especiais. Somam-se a isso as 8.906 cirurgias de urgência realizadas, que equivale a um terço da produção do Estado, que chegam a 24.958 procedimentos feitos.

Somente nos últimos cinco meses, outubro de 2021 a fevereiro de 2022 foram realizados 15.482 atendimentos ambulatoriais, 11.762 de urgência e emergência, 1.701 cirurgias de urgências e emergências e 672 cirurgias eletivas. Apenas no mês de fevereiro deste ano, a Unidade já realizou no pronto socorro 2.561 atendimentos. No ambulatório 4.248 e quase 8.000 exames de imagem.
Estrutura

Para melhor assistir a população, naturalmente, o HGP passa por melhorias constantes na estrutura física. Serviços também foram implantados no hospital, como à hemodinâmica; Unidade do AVC; Unidade de Cuidados Intensivos (UCI); a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica; ambulatório de oncologia; Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) com consultórios e uma sala de quimioterapia; consultório de odontologia; Núcleo Interno de Regulação; Centro de Infusão Reumatológica; ampliação de Ambulatório de Especialidades; Bancos de Olhos e serviço de transplante de córnea; serviço de Odontologia Clínica; serviço de Reconstrução Crânio Buco Maxilo Facial; ampliação do Centro Cirúrgico e o novo necrotério, entre outros.

O hospital também conta, ainda, com nova ala pediátrica que ampliou os atendimentos, proporcionando conforto para os pequenos pacientes, familiares e profissionais. O novo espaço conta com suporte de profissionais de todas as especialidades do HGP e dispõe de exames clínicos, laboratoriais e imaginologia tudo no mesmo ambiente, com a finalidade de facilitar a assistência aos pacientes.

O local possui uma estrutura moderna e conta com 48 leitos de internação geral; 20 leitos de UTI pediátricos; 1 leito de estabilização; 3 leitos na sala vermelha; 5 na sala amarela; 1 de isolamento e 16 de observação. Já o pronto socorro pediátrico possui todos os espaços necessários para atendimentos de urgência e emergência pediátricos.

Para o diretor geral do HGP, Leonardo Toledo, “tudo isso é o Hospital Geral de Palmas, uma unidade que funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, totalmente gratuito. Seus números refletem sua intenção e capacidade, mas são as pessoas que fazem isso acontecer. Isso é importante. Cada técnico de enfermagem, porteiro, segurança, fisioterapeuta, médico que entra nesta Unidade, diariamente, tem um objetivo: salvar vidas e transformá-las para melhor. Tenho orgulho de fazer parte de tudo isso”, reforçou.

Anúncios

Recentes