hora certa.

Ouça agora

Governo do Tocantins retirou 1.243 pacientes da fila de espera por cirurgia eletiva, em outubro

Os procedimentos realizados trouxeram transformação de vida aos pacientes do Sistema Único de Saúde.

 

 

 

“Antes da cirurgia, a minha vida era muito difícil, pois eu sentia muito incômodo diariamente, por conta de um mioma que eu tinha no útero. Agora com a cirurgia, estou muito melhor e sem dores! E não posso esquecer que todo o procedimento foi organizado de forma rápida e com um ótimo atendimento”. O depoimento é da paciente Elizanja Martins Silva, moradora de Guaraí, que é uma das 1.243 pessoas retiradas da fila de espera do Sistema Único de Saúde (SUS) tocantinense, no mês de outubro.

Desde o início do ano, 14.598 vidas já foram transformadas, pelas ações coordenadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO), número 36% a mais que toda a produção de 2022 (10.712). Em 02 anos, a atual gestão estadual, já realizou 26.486 procedimentos. Os números refletem os contínuos investimentos do Governo do Tocantins, os quais tem transformado histórias de dor em alegria.  Dados do Sistema Gerenciamento de Fila de Espera de Cirurgias Eletivas (SIGLE) mostram que em outubro de 2023 houve um aumento de 17% na produção deste tipo de procedimento, em comparação ao mesmo período no ano passado, quando foram realizadas 1.061.

“Eu descobri o problema há um ano, quando ao trabalhar sentia choques no braço e me impedia de trabalhar. Mas agora, neste domingo, estou aqui para realizar a cirurgia com o doutor e logo estarei em alta para poder voltar à realidade”, conta o senhor Deusdete Silva, de 55 anos, que sofria com dores nos nervos e agora vive o alívio de ter a saúde em dia.

Segundo o titular da SES-TO, Carlos Felinto “mais uma vez as equipes da Secretaria demonstraram seu compromisso em tirar as pessoas da fila de espera por uma cirurgia eletiva e em promover bem-estar aos nossos pacientes. Seguiremos empenhados na missão nos dada pelo governador Wanderlei Barbosa, que é fazer uma saúde pública digna e de qualidade para a população tocantinense”.

E é sobre a qualidade do serviço, que a paciente Ana Bonfim, de 54 anos, relatou quando questionada sobre o procedimento realizado no Hospital Regional de Miracema, no mês passado. “Tem pouco mais de 20 dias que fiz a cirurgia de períneo no Hospital Regional de Miracema. A equipe do Governo do Tocantins me pegou em casa e me levou para a unidade hospitalar, com toda a segurança. Lá fomos bem recebidas na sexta-feira à tarde, no sábado de manhã já fomos contempladas com o procedimento e no domingo fomos liberadas para voltar pra casa com a felicidade no rosto. Só tenho a agradecer a toda à equipe do hospital e ao motorista que agiu com atenção com a gente”.

No ranking das unidades que mais realizaram cirurgias eletivas no mês de outubro estão: Hospital Regional de Miracema (128), Hospital Geral de Palmas (116) e Hospital Regional de Augustinópolis (92). “Realizamos procedimentos nas especialidades de ginecologia, cirurgia geral e urologia, em pacientes de Miracema, Palmas, Miranorte, Lajeado, Rio Sono, Aparecida do Rio Negro, Novo Acordo e Tocantínia. Tudo isso foi possível pelo apoio que recebemos das equipes da Secretaria, que nos mantém com estoques da farmácia e almoxarifados devidamente abastecidos”, afirmou a diretora geral do Hospital Regional de Miracema, Maria da Penha Bandeira.

Karoliny Santiago/Governo do Tocantins

                                                              
Facebook
Twitter
WhatsApp